Olá!!!
Estou feliz por vê-la (o) cá, é muito bom poder partilhar consigo o meu cantinho...
Antes de sair não esqueça de deixar o seu comentário desta forma poderei retribuir e agradecer a sua visita...Volte sempre... Vou adorar revê-la (o)...


quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

E assim foi...


Olá Amigas(os)
Após as maravilhosas férias no Algarve, no dia 22 de setembro fui surpreendida com um telefonema que me transmitiu a triste noticia, o meu pai faleceu em Fortaleza-Ce... 
Admito que ao longo dos anos eu sempre rezei para que este momento nunca chegasse, mas foi inevitavel, não estava em minhas mãos impedir que isto acontecesse., entretanto eu congelei, minha mente bloqueou e eu não conseguia fazer nada por alguns minutos, mas fui em busca de noticias e tambem de encontrar uma maneira de poder ir ao Brasil me despedir daquele que desejou, sonhou e planejou a minha existencia, que me amou incondicionalmente, que me ensinou a amar a sua terra ( Portugal ), que foi a minha bussola orientando todos  os meus caminhos, que me fez sorrir muito, que enxugou as minhas lágrimas, que partilhou comigo a sua historia de vida, que ao meu lado me apoiou enquanto eu construia a minha historia de vida, que abriu os braços e me acarinhou em minhas vitórias e perdas, que sentia orgulho de me chamar de MINHA FILHA... Este era o meu pai...



Desde sempre me senti abençoada por ser filha de meu pai, um imigrante portugues que foi ao Brasil cheio de sonhos e que lá conheceu a sua amada e por ela enfrentou de cabeça erguida todos os obstáculos que surgiram que impediam a união deles e quando finalmente conseguiram se unir perante Deus e os homens, eles construiram a nossa pequena familia...
Meu pai fez de tudo um pouco profissionalmente, pouco a pouco conquistou o seu espaço e tornou-se uma pessoa conhecida e muito respeitada pois sempre foi um homem determinado, integro e justo, humilde e generoso, ele era o meu exemplo de vida...
É amigas (os) vivi em algumas semanas os piores momentos de minha vida, fiquei sem chão, a minha bussola avariou totalmente, me sentia perdida e acima de tudo injustiçada pois eu acreditava que merecia que ele não tivesse partido assim tão inesperadamente, mas, mais uma vez pensei que esta decisão não estava em minha mãos., ao mesmo tempo estava determinada em conseguir me despedir dele por isso fiz tudo que estava ao meu alcance, liguei a todos que eu conhecia e que me são muito queridos, pedi, insisti e gritei  desesperadamente mesmo em Portugal gritei alto, muito alto pois como disse uma pessoa muito querida " Você gritou tão alto que todas as vozes lhe ouviram " e foi verdade ... CONSEGUI!!!
Mas este momento só foi possivel acontecer com o esforço e apoio total de algumas pessoas e estas com certeza sabem o quanto elas foram importantes na concretização deste meu pedido., e apesar de ter feito a pior viagem ao Brasil, num voo de 6 horas e 50 minutos eu CONSEGUI!!!
Este periodo em que estive no Brasil aprendendo a viver o luto da partida de meu pai, sentindo um enorme vazio eu fui muito, mas muito acarinhada por minha familia e amigos, tentei acalmar o meu coração, fiz muitas descobertas e redescobertas mas apesar da minha enorme perda, eu precisava repor as minhas energias por isso retornei a Portugal mesmo me sentindo diferente, confusa, cheia de duvidas mas com uma certeza no coração e esta fez com que em 15 anos pela 1ª vez a minha partida torna-se dificil.


E assim cheguei a Portugal...
Sinto que vim do Brasil em pedaçinhos, como uma quebra-cabeças e este aos poucos estou a montar novamente, vivendo um dia de cada vez, buscando o meu eu interior, ainda tentando aceitar e acalmar o meu coração, cheia de saudades, duvidas mas ao mesmo tempo cada vez mais com uma forte certeza no coração...


Enviar um comentário

Confiram...